Medicina Integrativa

Medicina-Integrativa

O nome dessa prática já explica seu significado – é uma modalidade de medicina que busca integrar todos os aspectos do paciente (físicos, emocionais e mentais) para descobrir a causa de certas doenças e o melhor tratamento para possibilitar sua cura a partir de uma análise holística do indivíduo. Para isso, essa prática conta com evidências e abordagens terapêuticas adequadas para cada caso, em uma parceria eficiente entre profissionais de saúde e o paciente.

Para que o paciente seja acompanhado de maneira completa, um time de profissionais é envolvido no tratamento, elaborando estratégias para melhorar a qualidade de vida do indivíduo de maneira geral, não apenas direcionando toda atenção à doença em si.  Médicos, nutricionistas, psicólogos e outros profissionais da área da saúde trabalham em conjunto e todos os seus conhecimentos são considerados no atendimento.

O paciente, por sua vez, passa a ser agente em seu próprio tratamento, deixando de recebê-lo passivamente e atuando como mantenedor de sua própria saúde (a saúde passa a ser, também, sua responsabilidade individual).

O conceito da Medicina Integrativa defende que essa interdisciplinaridade é essencial para que o paciente possa ser tratado sob todos os aspectos, utilizando como ferramentas a medicina tradicional em conjunto com práticas de relaxamento, atenção plena, meditação, uso de fitoterápicos, yoga, entre outros recursos, em prol da cura do paciente – sempre, é claro, baseando-se em evidências em relação a sua eficácia e segurança

Siga-nos

© 2019 Todos direitos reservados